seja-voce-o-seu-barbeiro

SEJA O SEU BARBEIRO FAVORITO

Ninguém nasce sabendo como se barbear e você não precisa se envergonhar disso. Com o tempo e a prática, você vai chegar lá. É provável que você faça a barba 20 mil vezes durante a vida. Mas pode ser que você não queira tentar tanto tempo para se tornar um mestre. Mesmo beirando os 30 anos, ainda não está livre de cortes indesejáveis? Bem, nesse caso, é bom você ler com bastante atenção cada um dos passos a seguir...

PASSO A PASSO:

1. Limpeza

As toalhas quentes usadas em barbearias são ideais para se preparar para o barbear, mas quem é que faz uso delas em casa durante a correria do dia a dia? Para cumprir esse papel, opte por fazer a barba após um banho quente. O efeito será parecido à toalha mágica do barbeiro: os poros do rosto se abrirão e a barba vai ficar mais macia. De vez em quando, tente usar um esfoliante facial. Ele ajuda a levantar os pelos, tornando o corte mais fácil.
Ah, ele também livra seu rosto de células mortas e sujeira microscópica que se acumulam em seu rosto. Simplificando: esfoliar a pele aumenta a qualidade do seu barbear e reduz as chances de um acidente com a lâmina.

2. Barbear

Esqueça tudo que tem ouvido dos espertalhões por aí: a escolha entre espuma e gel como principal produto para barbear é mera preferência pessoal. Você tem total liberdade de escolha.

O truque real está em utilizar produtos que se adéquem à sua barba. Faça o teste e altere a linha de produtos até encontrar uma que lhe deixe confortável. Pele sensível? Que tal testar a linha Sensitive? Gosta de se ver livre de germes e bactérias? Silver Protect! E por aí vai...

Com tudo pronto, você não pode fraquejar. Para garantir um barbear mais rente, passe a lâmina na direção do crescimento do pelo, esticando a pele com a mão. Lembre-se: não faça pequenos movimentos hesitantes nem passe a lâmina continuamente no mesmo lugar. Isso só servirá para causar mais irritação à pele! Se achar que o resultado não foi o adequado em alguma região do rosto, coloque espuma ou gel sobre ela e passe a lâmina contra o sentido do pelo.

3. Cuidados pós-barba

Aqui sua atenção deve estar voltada para acalmar e suavizar os efeitos da lâmina sob a pele do rosto. Por isso, o grande erro nessa fase está em usar bálsamo ou loção pós-barba com alto de teor de álcool. Seu rosto não merece isso! Além da ardência (assuma, a coisa arde), a quantidade de álcool desses produtos desidrata a pele e aumenta as chances de irritá-la.

A solução está em lavar o rosto com água fria para ajudar a limpar os poros e, então, aplicar um produto pós-barba que seja suavizante.

Ah, anote aí: os bálsamos e loções pós-barba suavizantes NIVEA MEN contêm baixo teor de álcool, o bastante para aliviar a pele sem causar uma queimação pós-barba!